• ministeriovidacwb

Medo de perder ou completa confiança na Palavra de Deus?




Passado algum tempo, Deus pôs Abraão à prova, dizendo-lhe: “Abraão!” Ele respondeu: “Eis-me aqui”. Então disse Deus: “Tome seu filho, seu único filho, Isaque, a quem você ama, e vá para a região de Moriá. Sacrifique-o ali como holocausto num dos montes que lhe indicarei”. Na manhã seguinte, Abraão levantou-se e preparou o seu jumento. Levou consigo dois de seus servos e Isaque, seu filho. Depois de cortar lenha para o holocausto, partiu em direção ao lugar que Deus lhe havia indicado. No terceiro dia de viagem, Abraão olhou e viu o lugar ao longe. Disse ele a seus servos: “Fiquem aqui com o jumento enquanto eu e o rapaz vamos até lá. Depois de adorar, voltaremos”. Gênesis 22:1-5 NVI


Quantas vezes fiquei imaginando que a subida de Abraão ao monte Moriá deveria ter sido difícil demais para ele. E muitas outras vezes ouvi pregações falando sobre isso, sobre a caminhada dolorosa de Abraão até o Moriá, pois Deus havia pedido seu filho em sacrifício. Até que meus olhos foram iluminados e compreendi que quando andamos por meio da fé nas palavras de Deus, não há o que temer.


Veja a certeza de Abraão de que seu filho não seria morto. Ele olha para seus servos e fala: “fiquem aqui com o jumento enquanto eu e o rapaz vamos até lá, depois de adorar, VOLTAREMOS”.


Ele sabia que não voltaria sozinho, que não voltaria sem seu filho, e sabe por quê? Por causa de todas as promessas que Deus fez a ele (Você pode conferir em Gênesis capítulos 15, 17 e 18). Deus deixou bem claro para Abraão que a aliança que estava estabelecendo com ele, de ser pai de muitas nações era por meio de Isaque. Abraão chegou a pedir para Deus deixar que Ismael fosse seu herdeiro, e Deus diz claramente que não. Deus afirma: ”seu herdeiro será o filho de Sara, Isaque, que eu darei a vocês”. A primeira vez que Deus disse a Abraão (quando ele ainda era Abrão) que seu herdeiro seria um filho dele, e não um servo, a Palavra diz que Abrão CREU no Senhor e a sua fé lhe foi atribuída como justiça.


Amados, Abraão foi um homem de fé, fé nas verdades que Deus falava para Ele. Cada promessa que Deus dava, ele acreditava plenamente, em Romanos está escrito que Abraão não duvidou nem foi incrédulo. Sabendo de tudo que Deus já havia falado a respeito de Isaque, ele não teve medo de que seu filho morresse. Ele sabia que de alguma forma Deus manteria seu filho vivo, fosse providenciando um cordeiro para o holocausto ou ressuscitando-o dos mortos. Por isso ele falou com toda a confiança: vamos adorar, mas VOLTAREMOS!


Hoje nós temos a OBRA CONSUMADA DE CRISTO JESUS e o SEU EVANGELHO que nos garantem verdades poderosas a nosso respeito. Mas muitas vezes deixamos a PALAVRA DA VERDADE de lado para confiarmos nesse mundo aqui, no que os diagnósticos do mundo nos dizem, no que as situações nos mostram...


Minha oração é que eu e você tenhamos fé assim como Abraão. Que de fato possamos nos agarrar nas verdades de Deus e confiar completamente no que a Palavra de Deus nos diz.


Katiany Lins – Ministério Vida