• ministeriovidacwb

Um único Deus



Há um só Senhor, uma só fé, um só batismo, um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos. Efésios 4:5-6 NVI


Ao tentarmos compreender a magnitude de Deus, corremos o risco de enquadrá-Lo num entendimento natural e meramente humano. A mente natural é incapaz de discernir as coisas do Espírito. Deus é completo em si mesmo, sua existência não tem início e nem fim, Ele é único, no sentido de que não há ninguém como Ele e no sentido de ser apenas um só Deus. Apesar do Senhor se apresentar a nós como Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo, e apesar de todos os seus atributos e características, nós precisamos compreender que Ele é UM SÓ DEUS.


Muitos homens, levados por uma inteligência meramente humana, tentam explicar Deus e acabam por descrevê-Lo como se Ele fosse um ser com sérios problemas, pois às vezes Ele é amor, às vezes Ele é justiça, às vezes Ele é consolo, às vezes Ele é juízo, como se fosse “bipolar”... Colocam como se Deus fosse zangado, Jesus fosse o amor e o Espírito Santo uma força, um vento. Não, não e não! Deus é completo em si mesmo o tempo todo. Não existe esse tipo de diferenciação que alguns fazem. A Bíblia nos diz em Hebreus 1:3 que Jesus é a expressão exata de Deus. A Bíblia nos diz que o Espírito Santo, é o Espírito de Deus.


Amados, nós não adoramos vários deuses, nem servimos a vários deuses. Temos um único Deus que é suficiente, completo e perfeito. Numa tentativa tola de explicar a magnitude de Deus, muitas vezes tentamos desmembrá-Lo, como se Jesus fosse um, Deus Pai fosse outro e o Espírito Santo ainda outro, com características diferentes cada um. Não precisamos desmembrar nosso Deus verdadeiro em vários deuses. Deus é Deus. Ele é o Pai, Ele é o Filho e Ele é o Espírito Santo, Ele é a plenitude Divina, Ele é o Eu Sou. Se não entendermos isso, vivemos um cristianismo fraco, sem crermos corretamente. Por isso muitos ainda têm uma visão totalmente equivocada, Deus sendo “ruim”, Jesus “bonzinho” e o Espírito Santo “uma força que nos ajuda”. Mil vezes não!


Temos um único Deus, um único Senhor, um único Salvador, um único consolador, que é tudo em si mesmo, é completo e perfeito, por isso é o DEUS VERDADEIRO.


Quando dizemos que Jesus nos salvou, foi o próprio Deus que nos salvou, pois, Jesus é Deus e Deus é Jesus, você consegue entender? Quando dizemos que o Espírito Santo habita em nós, é o próprio Deus que habita em nós. Temos um só Deus, que nos ama incondicionalmente e é absolutamente tudo que precisamos.


Katiany Lins – Ministério Vida