top of page
  • Foto do escritorministeriovidacwb

Um covil de ladrões




Jesus entrou no templo e expulsou todos os que ali estavam comprando e vendendo. Derrubou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas, e lhes disse: “Está escrito: ‘A minha casa será chamada casa de oração’; mas vocês estão fazendo dela um ‘covil de ladrões’”. Mateus‬ ‭21:12‭-‬13‬ ‭NVI‬‬


Sempre que leio esta passagem, eu me pergunto: o que Jesus diria do tanto de comércio feito nas igrejas de hoje?


Infelizmente, grande parte dos líderes ministeriais estão mais preocupados com o lucro da instituição do que com a edificação das pessoas. Quer um exemplo claro? Pois bem, muitos canais no YouTube são monetizados visando lucro. O canal quando é monetizado tem anúncios no meio do seu conteúdo a cada 5 minutos, mais ou menos. Agora imagine que você entre em um canal cristão para assistir uma pregação e a cada 5 min esta pregação seja interrompida para passar um anúncio secular qualquer. Além do incômodo, você será distraído pelos anúncios e perderá a concentração na pregação que está ouvindo. Mas, quem monetiza o canal não está preocupado com isso, e sim com os seus lucros. Esse é apenas um exemplo, mas infelizmente temos centenas de exemplos de denominações e Ministérios que cobram por tudo que fazem. Um verdadeiro comércio na casa de Deus.


Está escrito: ‘A minha casa será chamada casa de oração’; mas vocês estão fazendo dela um ‘covil de ladrões’. Parece dura essa Palavra? Jesus não tinha receio de falar com todas as letras e expor o erro. Quando expomos o erro não é com a intenção de julgamento e sim para haver arrependimento. Hoje, nós somos a casa de Deus e a igreja somos nós. Que possamos agir com amor uns com os outros e não agir visando lucro, como se pessoas fossem possibilidades, e apenas números.


Carina Ramos - Ministério Vida 


Comments


bottom of page